/SOUGAY

/SOUGAY

Gay. Post por post.

You can scroll the shelf using and keys

Agora sim. Caso encerrado.

10/08/2010 , ,

Por mais que nos vacinemos e nos precavemos, e dissermos que, mesmo quando acontecer, não iremos nos abalar, ou então, iremos superar rápido e com dignidade, o término de um relacionamento amoroso simplesmente ignora os anticorpos.

Dói. Dói muito.

Porque várias sensações aparecem. E pensamos em muitas coisas, ao mesmo tempo: rejeição, equívocos, defeitos, auto-estima, saudade, ciúme, inveja…

Contudo, não há como fugir disso tudo. Quem está na chuva, está para se molhar.

E, no meu caso, demorei para sentir tudo isso. Protelei, na vã ilusão de que pudéssemos voltar, que a realidade viesse à tona. Que idiotice.

A ficha caiu, tarde. Mas antes tarde  do que nunca.

Advertisements

Nem pense em sair daqui, sem comentar!

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

Antes tarde do que nunca. Exatamente.

Agora resta concluir o processo, cruzar os estágios, e voltar à vida. Ser feliz está aí pra isso.

[j]

Joe

17/08/2010

Pois é… ainda bem que, na correria desenfreada do dia-a-dia, pensar sobre isso torna-se um pouquinho menos doloroso.

mygayexperiences

17/08/2010