/SOUGAY

/SOUGAY

Gay. Post por post.

You can scroll the shelf using and keys

Aperto.

08/09/2010 , ,

Nunca me senti assim: aflito por alguém. E não adianta tentar ocupar a mente com outra coisa.

Fui ao parque correr 9 quilômetros. Suei 9 litros. Emagreci 9 quilos. E pensei nele 9 mil vezes.

Fui a um concerto. Entre Vivaldi, Chopin, Villa Lobos e Tom Jobim, lá estava ele, entre a entrada do spalla e os aplausos derradeiros.

Estou no PC.

E estou blogando algo… adivinha sobre quem?

Amor é um vício irreparável, mesmo.

Advertisements

Nem pense em sair daqui, sem comentar!

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

Amor é a doença vital que eu tanto temo.

[j]

Joe

08/09/2010

E bem paradoxal. Temos medo de amar. E, quando amamos, temos medo de parar de amar.

SG

09/09/2010