/SOUGAY

/SOUGAY

Gay. Post por post.

You can scroll the shelf using and keys

Rédeas curtas.

23/04/2011

Eu sou formado. Tenho 22 anos. E moro com meus pais.

Não. Isso não é um perfil brochante de algum site de relacionamentos. É o meu dia-a-dia, apenas.

Tá certo que ainda não sou financeiramente independente. E o carro nem é meu. Mas olha as condições que tenho de adimplir, para poder sair com qualquer amigo ou amiga minha: meu pai tem de nos levar e buscar.

Sério. Me sinto com 16 anos.

É missão quase impossível, pegar emprestado o carro do meu pai. Não libera nem com reza brava, com assinatura de incontáveis garantias. Com uma baita puxação de saco durante o dia. Lá vem a resposta:

“Bem que vocês poderiam sair de dia, não? Vocês iriam a pé”.

Sim, claro. Iríamos tomar cerveja, ver gente bonita, curtir boa música ao vivo… de dia. Ele pensa que nós frequentamos algum clube da terceira idade…

Táxi? Não quero nem comentar sobre essa hipótese. O mesmo faço com o moto-táxi. E com o ônibus.

Minha mãe, então, mais encucada, impossível. Ela não admite a ideia de me ver saindo com algum outro rapaz. E, mesmo que eu garanta a ela que vou sair com uma de minhas amigas, ela não acredita. Não adiantou muito, ela ter assistido àquele filme tão bom.

Pronto. Desabafei. Este post é uma síntese de como minha noite de sábado será super legal: sobras do almoço e Zorra Total.

Enfim. Pais são pais. Filhos, são filhos.

Advertisements

Nem pense em sair daqui, sem comentar!

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

É amigo, a autonomia é essencial para os gays, não adianta… Bjo!

Jean Borges

24/04/2011

Olha, acho que mesmo morando sozinho, sendo financeiramente independente, e termos mais de 30, nossos pais vão ainda implicar com nossas saídas e tal. rs

acredito que faz parte de ser todo protetor e tal.

beijo

leo

24/04/2011