/SOUGAY

/SOUGAY

Gay. Post por post.

You can scroll the shelf using and keys

Agora, o nariz é apenas meu.

01/05/2011

Posso dizer que estou com sorte.

Cheguei em Sampa, entreguei os documentos para o RH e fiz os exames admissionais. Depois, procurei por imóveis para alugar, e, já desanimado por ter encontrado ofertas nada vantajosas (aluguel caro e localização ruim), meu primo me informa que a prima de sua namorada possuía um apartamento bem próximo de onde irei trabalhar.

Não deu para recusar. Apesar do fato de que pagarei o dobro do que pagaria se eu ficasse em uma pensão, os benefícios de se morar sozinho (e tão bem) compensam o gasto extra. A kitchenette (ou, como a proprietária diz, o studio) está totalmente mobiliada. Assustei-me com o tamanho do guardarroupas, que ocupava uma parede inteira do imóvel. Mais tarde, vim a saber que a dona era fascinada por roupas, bolsas e sapatos… Minhas coisas não encherão nem a metade. Ao lado, uma cama de casal entre dois criados-calados, cujo pé é um rack para TV. Na parede oposta, um simpático sofá, e, ao lado, uma escrivaninha com uma poltrona quadrada giratória. Mais à frente, uma cozinha integrada com o restante do apê, toda planejada e com os eletrodomésticos embutidos. E adiante, uma sacada com churrasqueira. Essa será a parte menos utilizada. Não sei nem acender carvão.

E vou morar perto de absolutamente tudo. Poderei fazer tudo o que preciso, a pé! Trabalho, academia, banco, farmácia, supermercado, metrô, aeroporto… nem estou me importando que não sobrará muita grana para gastar com coisas supérfluas e prazerosas, como eletrônicos, roupas e saídas de fim de semana. Só de ter um cantinho tranquilo, organizado e prático para dormir e estudar, já é uma alegria. E vou economizar com transporte.

É muito bom, saber que, no meio do caos que é São Paulo, há 40 metros quadrados reservados só para você. Logo ali. Perto de tudo. 

Só espero não viver a vida que Tom Hanks viveu em “The Money Pit”.

Advertisements

Nem pense em sair daqui, sem comentar!

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

Imóvel é uma coisa muito doida. É preciso muita paciência e sorte para pegar um que seja legal e que não tenha nenhuma bomba pronta para explodir na sua mão.

Sou a favor de um cantinho apertadinho. Tenho pavor quando tenho mais espaço que o necessário, e não sei o que enfiar ali. Control freak? XD

Lobo

01/05/2011

Ah, no final do dia o que mais queremos é nosso cantinho. Onde podemos relaxar, e fazer o que bem entendermos.

beijo

leo

01/05/2011

Esse gasto a mais, penso eu, compensa muito. Nao eh um gasto, eh um investimento em sua qualidade de vida. Morar longe do trabalho e perder mto tempo no trânsito sempre esteve fora de meus planos… Me irritaria mto.

Que bom que está tudo bem neste início. Que continue assim 😉

Xêrinho!

in.Constante

01/05/2011

Você não tem que trabalhar de terno e gravata? Já já você vai encher o armário da “kitchenette”.

Thiago

01/05/2011

Bom demais SG! Nada melhor que seu cantinho! Espero ainda esse ano me instalar no meu! Bjo!

Jean Borges

03/05/2011