/SOUGAY

/SOUGAY

Gay. Post por post.

You can scroll the shelf using and keys

Macarronada.

30/09/2013

Presidente do Grupo Barilla diz que não usaria casal gay em anúncio. É a manchete desta notícia aqui.

Percebi nas redes sociais que, mesmo entre os gays, opiniões se dividiram sobre o tema, uns criticando duramente a atitude do executivo italiano, e outros criticando o boicote à marca de massas, sob o argumento de que os movimentos LGBT sempre são muito radicais, e que o pronunciamento do Sr. Guido Barilla não deveria ser tão vilipendiado.

Bom, aqui, vai minha visão sobre tudo isso.

O presidente da companhia tem sim todo o direito de fazer seus comerciais do jeito que quiser, sempre alinhado com o que for mais vantajoso aos seus negócios, e não é isso que está sendo criticado.

O alvo de críticas foi o discurso preconceituoso e estúpido que ele deu à uma emissora de rádio na Itália, ao misturar sua opinião pessoal com os valores da empresa. Foi o típico discurso do “Eu não tenho nada contra os gays, mas não os quero por perto”.

A propósito, ele mesmo deixou bem claro que, se os gays não gostassem do não uso de famílias homoafetivas em seus comerciais, que fossem procurar outra marca.

Eu, particularmente, não gostei disso e não compro Barilla. Até porque eu nem comprava antes mesmo, pois não sou um expert na cozinha e não vejo razão em gastar mais que o dobro num macarrão, se o molho que uso é sempre um básico e barato Pomarola da vida.

Filosofias culinárias à parte, achei uma atitude idiota, essa do Sr. Guido Barilla. Tentou se desculpar, depois, obviamente, percebendo a cagada que cometeu, ofendendo boa parte não só do seu público consumidor, como também seus funcionários e, quem sabe, acionistas a quem deve se reportar.

Eis as palavras de arrependimento:

“Com referência à minha declaração feita ontem na La Zanzara, peço desculpas se minhas palavras têm gerado controvérsia ou mal-entendido, e se elas têm ofendido a sensibilidade de algumas pessoas. Para maior clareza, gostaria de salientar que tenho o mais profundo respeito por todas as pessoas, sem distição alguma. Eu tenho o maior respeito por homossexuais e pela liberdade de expressão de qualquer um. Eu também disse e repito que respeito o casamento das pessoas de mesmo sexo. Barilla em suas propagandas têm sempre escolhido representar a família porque este é o símbolo da hospitalidade e carinho para todos. Guido Barilla.”

É a prova de que deve-se pensar duas vezes, antes de falar. Barilla deveria ter olhado para seus próprios princípios, e percebido que há uma diversidade imensa de macarrões, mas, no fundo, todos são feitos da mesma coisa.

Advertisements

Nem pense em sair daqui, sem comentar!

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

O modo como você se expressa através das palavras é tão acolhedor… é como o acalanto de um abraço amigo!

leo

30/09/2013

A opinião dele, ainda que estupida ao meu ver, é um direito dele… o duro é quando vemos pessoas que representam marcas, outras pessoas ou uma determinada posição saírem falando asneiras por ai.

As pessoas confundem “gostar” com “respeitar”… não é porque eu respeito algo que eu seja obrigado a concordar ou entenda que seja bom.

No mais… é uma pena, porque o macarrão do tio aí, é bem bom! ehehehe Muito bacana teu texto!

Latinha

30/09/2013

Você passa 1 ano pra voltar pra casa e quando volta vem falar de macarrão?

Por favor cara… se quiséssemos saber sobre macarrão iriamos no supermercado. Queremos saber sobre coisas que realmente importam: Você.

Miojo de Carne

01/10/2013

Caro Miojo de Carne,

Fico triste que esteja tão desapontado assim. Nos próximos posts, prometo falar mais de mim.

Enquanto isso, aproveite o que escrevi. Não foi só de macarrão que falei.

SG

02/10/2013

Pior que eu só comprava Barilla… hehehe! Bom te rever no TPM, man! Hugz!

fred

01/10/2013

hehe que otima essa conclusão. idiota ele que não percebeu isso. maybe, just maybe, ele esteja precisando de gente como voce na equipe dele.
e por coincidencia eu passei a comprar Barilla nos ultimos dois meses, mas agora que soube dessa babaquice, acho que não quero mais. afinal, é tudo macarrão, como você bem disse. mas eu que não vou endorsar gente idiota.
😉

[j]

[ joe ]

03/10/2013